Obrigado a Julio Marchi pelo espaço cedido na MSX All
 

MSX Sketch Tools

  O objetivo do projeto MSX Sketch Tools é criar ferramentas de conversão de desenhos em preto e branco do PC para os formatos compatíveis com os softwares de edição de imagens em preto e branco do MSX como o Graphos III, Page-Maker, Aquarela e Dynamic Publisher.

  1. Introdução
  Alguns editores gráficos criados no Brasil nos anos 80 faziam uso de imagens em preto e branco, como as imagens utilizadas em esboços ou desenhos à lápis. Mas afinal, o que é uma imagem em preto e branco?
  Geralmente, há uma confusão acerca do conceito de imagens em preto e branco. Em imagens digitais, uma imagem em tons de cinza é uma imagem com diversos tons entre o preto e o branco, onde cada tom possui os componentes RGB com a mesma intensidade. Dessa forma, podemos representar os três componentes a partir do mesmo valor.
  No PC, o formato 24-bit possui 256 tons de cinza, variando do 0 a 255. Então, se um tom possui intensidade igual a 120, quer dizer que o componente vermelho possui intensidade igual a 120, o verde 120 e o azul 120.
  Já no formato preto e branco, a imagem possui apenas duas cores: o preto e o branco. Não há tons de cinza intermediários. No caso do MSX, o pixel preto é representado pela cor 1 e o pixel branco é representado pela cor 15. Dessa forma, uma imagem do PC colorida ou em tons de cinza deverá ser convertida em preto ou branco.

  2. Editores e seus formatos
  2.1. Graphos III

  O Graphos III foi criado por Renato Degiovani e é um dos melhores editores gráficos para o MSX 1. Esse editor possui diversos recursos, além de também trabalhar com imagens coloridas. Entretanto, possui recursos específicos para trabalhar com imagens em preto e branco, tais como os famosos shapes.

  Formatos:

  • Shape (.shp) - O formato shape é um recorte de tela (screen 2), que possui 4 tipos. Apesar de existirem shapes coloridos (tipos 2 e 4), eles se notabilizaram pelos desenhos em preto e branco, com no mínimo 8x8 e no máximo 240x176 pixels.
  • Layout (.lay) - Arquivo de tela, onde somente a tabela de caracteres (ink) é salva de forma compactada.
  • Compac (.vdc) e (.atc) - Arquivo de tela, onde as tabela de caracteres (ink) e cores (paper) são salvas de forma compactada e em dois arquivos.
  • Display (.scr) - Salva a tela, compactando a tabela de cores e padrão no mesmo arquivo, além de acrescentar o display de tela (animação de carregamento).
  • Alfabeto (.alf) - Mapa de caracteres do MSX. O projeto MSX Font Editor trabalha com arquivos desse tipo.


  2.2. Page-Maker

  Criado pela Nemesis, empresa de informática do Rio de Janeiro, tem como objetivo criar páginas de editoriais, tais como folhetos, jornais etc. Diferente do Graphos III, só trabalha com imagens em preto e branco.
  Os formatos de arquivos são compatíveis com o Graphos III, além de possuir ferramentas de conversão entre tipos de telas.

  Formatos:

  • Shape (.shp) - Mesmo formato do Graphos III.
  • PC shape (.sdr) e (.shp) - Shapes do PC, formato do Print-Master.
  • Layout (.lay) - Mesmo formato do Graphos III.
  • Display (.scr) - Mesmo formato do Graphos III.
  • Alfabeto (.alf) - Mesmo formato do Graphos III. Utiliza o arquivo de alfabeto para desenhar as bordas e os padrões.
  • Dump Screen 2 (.grp) - Arquivo com a tabela de cores e padrões da screen 2.
  • Page-Maker (.PM?) - Arquivo do projeto, que são 4 mapas de padrões da tela empilhados verticalmente. Cada arquivo PM possui as dimensões de 512x192 pixels. A dimensão total da folha de desenho é de 512x768 pixels.


  2.3. Aquarela

  Desenvolvido pela Paulisoft, de São Paulo, era o concorrente do Graphos III e preferido por muitos MSXzeiros. Possui fontes de 16x16 pontos.

  Formatos:

  • Dump Screen 2 (.grp) - Arquivo com a tabela de cores e padrões da screen 2.
  • Fonte (.fnt) - Arquivo de fontes de 16x16 pixels.
  • Sprites (.spr) - 32 desenhos monocromáticos de 16x16 pixels.
  • Padrões (.prd) - 16 desenhos monocromáticos de 8x8 pixels para preenchimento.


  2.4. Dynamic Publisher

  Programa de editoração eletrônica para MSX 2, criado pela empresa holandesa Radarsoft em 1987, e provavelmente um dos melhores para o MSX.

  Formatos:


  Obs: clique sobre o link do formato desejado para obter maiores detalhes.

  3. O projeto
  O projeto MSX Sketch Tools é composto por três ferramentas:

  • MSX Sketch Tools
  • MSX Sketch Tools - Publisher
  • MSX Sketch Tools - Aquarela


Editor gráfico Importação de jornais1

  1. Adaptado de: http://www.lance.com.br


  O MSX Sketch Tools principal é uma ferramenta gráfica que permite a conversão entre arquivos de imagens do MSX e o GIF do PC. Os tipos de arquivos suportados são: tela (.GRP), layout (.LAY), shapes (.SHP), shapes do PC (.SHP) e shapes do Dynamic Publisher (.STP).

  O MSX Sketch Tools - Publisher é voltado para os arquivos de editoração eletrônica como o Page-Maker e Dynamic Publisher. São 5 programas em Java que rodam a partir da linha de comando do S.O. Os arquivos suportados são: Page-Maker (.PM?), Dynamic Publisher (.PCT) e fontes do Dynamic Publisher (.FNT).

  O MSX Sketch Tools - Aquarela converte arquivos do Aquarela. São 2 programas em Java que rodam a partir da linha de comando do S.O. Os arquivos suportados são: fontes do Aquarela (.FNT), sprites (.SPR) e padrões (.PRD).

  Todos os pacotes incluem um arquivo "leiame.txt" com instruções para o uso dos programas inclusos no respectivo pacote.

  4. Downloads
  MSX Sketch Tools
  mst_bin_v_1.1.zip - Executáveis em Java
  mst_src_v_1.1.zip - Fontes

  MSX Sketch Tools - Publisher
  mst_pub_bin_v_1.0.zip - Executáveis em Java
  mst_pub_src_v_1.0.zip - Fontes

  MSX Sketch Tools - Aquarela
  mst_aqua_bin_v_1.0.zip - Executáveis em Java
  mst_aqua_src_v_1.0.zip - Fontes

  * Exemplos *
  exemplos.zip - Shapes do Graphos III, páginas do Page-Maker e Dynamic Publisher.
  gifs.zip - Imagens GIF P&B prontas para converter para o MSX.
  shapes.zip - Diversos exemplos de shapes.

  * Manual *
  sketch.pdf - Manual em português.


  Autor: Marcelo Silveira
  Licença: GNU-GPL v. 3.x - http://www.gnu.org/licenses/gpl-3.0.txt.


Marcelo Teixeira Silveira
Engenheiro de Sistemas e Computação - UERJ
Mestre em Engenharia de Computação - UERJ

© MarMSX 1999-2018