SWITCH


  Tanto o Pascal como o C, apresentam uma estrutura eficiente para a análise de uma dada entrada. Esta estrutura é chamada de SWITCH.
  O switch recebe uma variável e realiza diversos testes em seqüência, a fim de descobrir uma saída correspondente. É uma forma mais elegante de análise, em vez de uma porção de testes com o IF.

  Sintaxe:
 switch (variável)
 {
   case valor_1 : expressão_1; break;
   case valor_2 : expressão_2; break;
   ...
   default: expressão_default;
 } 

  Expressão é o tratamento dado como resposta, caso o valor da variável de entrada seja o especificado pelo "valor". A expressão break deve ser utilizada para abandonar os testes seguintes.

Exemplo:
#include <stdio.h>

int idade;

int main(void)
{
  printf("Qual a sua dezena de idade (0,10,...)? ");
  scanf("%d",&idade);

  switch (idade)
  {
    case 0 : printf("Crianca"); break;
    case 10 : printf("Adolescente"); break;
    case 20 : printf("Jovem"); break;
    case 30 : printf("Adulto"); break;
    case 40 : printf("Meia-idade"); break;
    default : printf("Idoso");
  }
  printf("\n");
} 
  Saída:
  Qual a sua dezena de idade (0,10,...)? 20
  Jovem

  Dica: quando o tratamento de um case necessitar de mais de uma instrução, prefira utilizar uma função para isso. Ex:
 case 5: call_math(); break;


/MARMSX/CURSOS/C--